Complicity Update

  • G4S vem perdendo contratos de milhões de dólares em dezenas de países depois de campanhas BDS protestando sobre seu papel na prisões, colônias e postos de controle israelenses

  • A campanha contra a G4S continuará sendo uma alta prioridade do BDS até que as vendas anunciadas sejam finalizadas

  • O movimento BDS continuará apoiando boicotes contra a G4S em relação a encarceramento em massa globalmente

Com mais de uma semana do início dos ataques de Israel ao povo palestino e com ameaças reais de uma escalada da agressão para os países vizinhos, vemos aumentar o número de pessoas em nosso país lamentando à distância este conflito com profundas raízes históricas.
 

Os principais juristas internacionais e redes legais de todos os continentes, entre eles: relatores especiais da ONU, ex e atuais juízes, professores de direito, bem como as associações profissionais nacionais e continentais; convidam o Secretário Geral das Nações Unidas, Ban-Ki Moon e demais líderes mundiais a tomar “ações concretas “contra o Muro de Israel na Cisjordânia ocupada.

Documento em anexo abaixo aponta razões que deveriam levar País a não ratificar esse acordo, fundamentadas nos direitos humanos.

Ulteriores argomentos estão listados abaixo.

 

I. Sumário:

 

x

Select (Ctrl+A) and Copy (Ctrl+C)